quinta-feira, 13 de outubro de 2011

There is another sky

Emily Dickinson -
                                                                                                                        
                                                                                                            Quero apenas cinco coisas.
                                                                                                            Primeiro é o amor sem fim
                                                                                                           A segunda é ver o outono
                                                                                                           A terceira é o grave inverno
                                                                                                           Em quarto lugar o verão
                                                                                                           A quinta coisa são teus olhos
                                                                                                           Não quero dormir sem teus olhos.
                                                                                                           Não quero ser... sem que me olhes.
                                                                                                          Abro mão da primevera para que
                                                                                                                                                                continues me olhando                                                                                                                                                                
                                                                                                                             Pablo Neruda                                                                               










************************************************

Há um outro céu,


 Há um outro céu,
 Sempre sereno e justo,
 E há um outro sol,
 Embora lá sejam trevas;
 Não importa acabarem as florestas, Amiga,
 Não importa o silencio dos campos -
 Aqui tem uma pequena floresta,
 Cujas folhas são sempre verdes;
 Aqui tem um brilhante jardim,
 Onde não tem sofrido geada;
 Em suas flores desabrochando
 Ouço o zumbido de brilhante abelha:
 Entre, minha irmã,
 Venha para o meu jardim!

intertexto: Aline T.


 There is another sky,

       Emily Dickinson

There is another sky,
Ever serene and fair,
And there is another sunshine,
Though it be darkness there;
Never mind faded forests, Austin,
Never mind silent fields -
Here is a little forest,
Whose leaf is ever green;
Here is a brighter garden,
Where not a frost has been;
In its unfading flowers
I hear the bright bee hum:
Prithee, my brother,
Into my garden come!
  

12 comentários:

  1. Aline, eu amo esta sua dedicação e carinho por estas páginas.
    Gosto de passear por aqui e ver as palavras desta poetisa que estou aprendendo a conhecer bem mais.
    Abraços.

    Qualquer dia conta-nos a história que a fez construir este espaço.

    ResponderExcluir
  2. Aline, muitas vezes abrimos mão de jardins e primaveras para termos quem nos olhe. Será que vale a pena?



    Lindo o que li, faz pensar!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Não se permita entristecer,
    por nada nesse Domingo.
    Mostre a todos o valor do seu sorriso
    aproveite esse Dia para ser feliz
    Faça chuva ou Sol estarei sempre aqui para dizer
    que te amo.
    Um lindo e feliz Domingo.
    Beijos no coração.
    Evanir

    ResponderExcluir
  4. Adorei o espaço Aline. A forma como a Emily descrevia o sentimento e a realidade era deslumbrante!


    Noites - Noites selvagens!
    Estivesse eu - contigo
    Tais Noites - o nosso
    Deleite - seriam!
    Fúteis - os Ventos -
    A Coração em Porto -
    Inútil - a Bússola!
    Como a Carta - inútil!
    Remando - em Éden!
    Ah! o Mar!
    E eu ancorar - Esta Noite -
    Em Ti!

    Emily Dickinson

    ResponderExcluir
  5. Aline, obrigado por compartilhar o texto. Inspira esperança: há sim um outro céu e uma outra terra, também, que vamos descobrindo aos poucos...

    ResponderExcluir
  6. Amei o seu carinho e a sua visita. Que bom que veio compartilhar comigo. Fiquei muito feliz.
    É sempre maravilhoso ter a presença de pessoas maravilhosas que espalham alegrias. Obrigadooo!!!

    Obrigada pela visita.
    Sei que ando tão ocupada, cheia de trabalho e estudos que não tenho mais tempo de vir. Mas dei uma fugidinha rápida, pois estou digitando mais uma parte do meu trabalho, tenho prazo e são dois para esta semana. Não vejo a hora dessas 300 horas de curso acabarem.
    deixo meu carinho..meu abraço..meu beijo no seu coração e um até breve. Muito obrigada pela sua companhia. Fique com Deus e até mais.
    Carinhosamente,
    Sandra.

    ResponderExcluir
  7. Gostaria de seguir vc mais não encontrei o link para fazer...
    Bjs
    Sandra

    ResponderExcluir
  8. Lindo o que li :D

    Gostei muito, obrigada Aline.

    ResponderExcluir
  9. Fiquei encantado com a tua poesia.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Olá Aline, parabéns pelo teu blog! Gostei dos escritos!! Gostei mesmo! Já estou seguindo!

    Sou músico e cronista! Quando tiver um tempo, confira meu site www.diegoschaun.com.br

    Certo?

    Muita paz!

    ResponderExcluir